Feedback das previsões do Grammy 2019

(observação: antes de ver este vídeo, leia o post original sobre as Previsões do Grammy 2019)

Continuando uma tradição que começou no ano passado, o canal do Duas Tintas de Música no YouTube prossegue com os vídeos dos feedbacks das respostas que vocês me deram no post das Previsões do Grammy 2019! Na pauta de hoje, um mea culpa sobre o Maroon 5, algumas observações sobre Taylor Swift e Justin Timberlake, e uma consideração sobre a categoria de Artista Revelação.

Segue o vídeo novo abaixo:

Anúncios

12 comentários sobre “Feedback das previsões do Grammy 2019

  1. Marina, a Camila acabou de lançar uma versão ao vivo de “Havana” no Spotify.
    Estou muito intrigado p\ saber até que ponto as indicações do Pop\General Field sejam afetadas caso ela, de fato, não tenha feito isso ao acaso e submeta a versão live pro Grammy do ano que vem. Acho que foi uma jogada GENIAL.

    • Por um lado, é uma ótima jogada porque “Havana” ao vivo tem mais fôlego que “Never Be the Same”, que não foi o mesmo hit que o lead. Por outro, quem eu vi concorrer em versões live anteriormente foram A-lists, como Beyoncé, Adele e Pharrell; Beyoncé chegou a concorrer com uma música de anos atrás – então é a famosa situação de pássaro na mão ou dois voando?

  2. Mari, eu falei em um comentário antigo ai que “Girls Like You” ia acabar entrando, ainda não aconteceu, mas até você acredita em mim agora kk.

    Mas ainda to achando que sua previsão inicial ta bem certinha, talvez algumas coisas que possam mudar ao decorrer do tempo até o 30/09.

    Ariana: TLIC é a pior coisa do álbum todo não vejo indicado em nada, como disseram em comentários acima.
    Pessoalmente gostei do álbum e to vendo que a critica ta amando (não supera o DW mas ta mt bom), to começando a ver chances reais de vitoria.
    Meu problema é No Tears e God Is a Woman, a segunda realmente é muito melhor mas o sucesso da primeira (não vejo ninguém fazer sucesso no pop atualmente, pelo menos Ariana aconteceu) pode confundir nas indicações. Não sei bem o que deveria ser submetido e em que.

    Uma outra musica que tem me chamado muita atenção é “Love Lies”. A musica é boa tá crescendo bastante nas rádios e pode acabar pegando um top 10 até o 30/09. O que ce acha, rola chance?

    Sobre a Camila: To começando a achar que só pega indicação pelo álbum.

    OBS: alguém indica o CHARLIE PUTH em qualquer coisa, que álbum bom o do menino viu

    • Eu preciso de Charlie Puth indicado em alguma coisa, o “Voicenotes” é MUITO REDONDINHO

      Sinceramente, acho que Ariana pode neste momento, optar por “No Tears Left to Cry” como Pop Solo, e submeter as duas em ROTY e SOTY (se não me engano, minha previsão ocorreu antes de GIAW aparecer…). Não seria um problema, era selecionar qual a faixa com maior potencial pra fazer Record e a outra que desse pra entrar em Song (Bruno Mars fez isso e foi a melhor decisão que ele e a Atlantic tomaram ano passado): NTLTC poderia ser Record (até porque como música, é menos óbvia, especialmente porque a sonoridade de “God Is A Woman” é um aceno BEEEM pop pra um urban, um faux-trap (guardadas TODAS AS DEVIDAS PROPORÇÕES pelo amor de Deus), enquanto GIAW entraria em Song – a letra tem uns sentidos duplos que funcionam bem nessa categoria.

      A “Love Lies” de que vc está falando é a do Khalid com Normani? É a única que eu me lembro neste momento (é até do começo do ano), e essa eu nem coloquei no mix porque é bem mais R&B que os duetos do Pop Duo

      • Sim, falo da “Love Lies” do Khalid com Normani, gostei bastante e já está no top 5 das radios pop.
        Minha duvida meio que já foi respondida, apesar que do jeito que as parcerias pop estão eles poderiam ter boas chances.
        A proposito aquela “No Brainer” do DJ KHALED/BIEBER não ta acontecendo mesmo né.

  3. Sei que isto poderá ser uma seca mas agora com outros artistas , quais destes da lista em baixo também têm chance de fazer o corte final nas nomeações?

    (P.S: Acho que há 3 cenários prováveis de acontecer nas nomeações dos Grammys)

    XXXTENTACION – Best New Artist

    “?” – Album Of The Year , Best Rap Album

    SAD! – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Rap Song , Best Rap Performance , Best Rap/Sung Performance , Best Music Video

    BEBE REXHA – Best New Artist

    “Expectations” – Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    Meant To Be – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop/Duo Group Performance , Best Music Video

    MAROON 5

    “Red Pill Blues” – Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    Girls Like You – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop/Duo Group Performance , Best Music Video

    IMAGINE DRAGONS

    Whatever It Takes – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop/Duo Group Performance , Best Music Video

    DRAKE

    “Scorpions” – Album Of The Year , Best Rap Album

    God’s Plan – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Rap Song , Best Rap Performance , Best Rap/Sung Performance , Best Music Video

    In My Feelings – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Rap Song , Best Rap Performance , Best Rap/Sung Performance , Best Music Video

    Nice For What – Song Of The Year , Best Rap Song , Best Music Video

    KENDRICK LAMAR

    All The Stars – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Rap Song , Best Rap Performance , Best Rap/Sung Performance , Best Song Written For Visual Media , Best Music Video

    SAM SMITH

    “The Thrill Of It All” – Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    Pray – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop Solo Performance

    BECK

    “Colors” – Album Of The Year , Best Rock Album

    Colors – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Rock Song , Best Rock Performance , Best Music Video

    5 SECONDS OF SUMMER

    “Youngblood” – Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    Youngblood – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop/Duo Group Performance , Best Music Video

    THE WEEKND

    “My Dear Melancholy,” – Album Of The Year , Urban Contemponary Album

    Call Out My Name – Record Of The Year , Song Of The Year , Best R&B Song , Best R&B Performance , Best Song Written For Visual Media , Best Music Video

    Pray For Me – Record Of The Year , Song Of The Year , Best R&B Song , Best R&B Performance

    JANET JACKSON

    Made For Now – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop/Duo Group Performance , Best Music Video

    DJ KHALED

    No Brainer – Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop/Duo Group Performance , Best Music Video

    I Believe – Best Song Written For Visual Media

    Agora falando em GRAMMY NOMINATIONS Situações Prováveis:

    1º- 2018 GRAMMY NOMINATIONS STYLE DA SEGUINTE FORMA:

    – Deixam Taylor Swift de fora do Album Of The Year deixando as nomeações assim:
    . The Greatest Showman: Original Motion Picture Soundtrack
    . Black Panther: The Album
    . Cardi B – Invasion Of Privacy
    . Drake – Scorpions
    . Janelle Monaé – Dirty Computer
    . The Carters – Everything Is Love
    . Chris Stapleton – From A Room , Volume.2
    . Kacey Musgraves – Golden Hour

    – Record Of The Year : Perfect Duet , Make Me Feel , I Like It , God’s Plan/In My Feelings, Apes**t , This Is America , Whatever It Takes , The Middle.

    – Christina Aguilera recebe só 1 nomeação: Best Pop Vocal Album por “LIBERATION”

    – Kanye West é ignorado no Rap Field

    – Camila Cabello recebe só 1 nomeação: Pop Solo Performance por “Never Be The Same”

    – Imagine Dragons e Florence & The Machine fazem o corte final em Pop/Duo Group Performance por “Whatever It Takes” e “Hunger” deixando de fora “Fall In Line” e “Say Something”.

    – Janelle Monaé recebe apenas 1 indicação para Album Of The Year.

    – Cardi B lidera nomeações.

    2º – MODO ALICE QUE PODERÁ SER ATIVADO:

    – Album Of The Year com Taylor Swift indicada mas sem chance de ganhar pela terceira vez deixando a trilha sonora ou um artista negro/a ganhar finalmente:
    . Taylor Swift – Reputation
    . Cardi B – Invasion Of Privacy
    . The Carters – Everything Is Love
    . Janelle Monaé – Dirty Computer
    . Black Panther: The Album
    . Kacey Musgraves – Golden Hour
    . Drake – Scorpions
    . Chris Stapleton – From A Room , Volume.2

    – Janelle Monaé indicada em Record e Song Of The Year com “Make Me Feel”.

    – Xtina recebe as merecidíssimas nomeações de Pop Vocal Album (“LIBERATION”) e Pop/Duo Group Performance (“Fall In Line”).

    – Justin Timberlake fazendo corte final em Pop/Duo Group Performance (“Say Something”) e Pop Vocal Album (“Man Of The Woods” , apesar de não ter recebido críticas boas , foi um dos álbuns mais vendidos deste período de eligibilidade).

    – Cardi B continua dominando a lista de indicados. (Até Finesse (Remix) entra em Record Of The Year)

    – Rock e Country Field serem abraçados no General Field em Record e Song (pk em Album já sabemos k um deles tem presença garantida né?):
    . Paul McCartney – Come On To Me – Song Of The Year
    . Chris Stapleton – Millionaire – Record Of The Year (Esta nomeação sendo random!)

    – Lady Gaga entra em Best Song Written for Visual Media.

    – XXXTentacion é indicado no Rap Field.

    3º- “Anotaram a placa do caminhão que me atropelou 2” (6 mulheres em 8 nomeados no General Field):

    – Taylor Swift , Janelle Monaé , Cardi B , Kacey Musgraves , Kelly Clarkson e Pink em Album Of The Year.

    – Camila Cabello indicada em Pop Vocal Album (“Camila”) e Pop Solo Performance (“Never Be The Same”).

    – 7º nomeado e 8º nomeado de Record e Song : – Rap (Drake – God’s Plan/In My Feelings , supondo k Cardi B foi indicada em Record e Song Of The Year)
    – Rock/Country/R&B (U2 , Chris Stapleton e Bruno Mars).

    OU

    – Childish Gambino e Drake indicados em Record e em Song.

    – Nicki Minaj só é indicada a Best Rap Album.

    – Pop Field com surpresas nas indicações (Xtina fora do Pop Vocal , Justin Timberlake fora do Pop/Duo Group Performance e Dua Lipa no Pop Solo Performance).

    – Calvin Harris ignorado das nomeações.

    – “All The Stars” e “Pray For Me” nomeados em Song Written for Visual Media.

    • Então, desse grupo que você falou, o Grammy não vai tocar em gente muito divisiva, eles vão jogar no seguro – Kanye, soundcloud rappers com problemas com a lei estão fora. O Grammy com crise de credibilidade dando chance pra XXXTENTACION numa indicação póstuma com acusação de agressão? Se ele fosse uma lenda da música, era um cenário provável, indicações póstumas só pra gente nível Ray Charles.

      É mais fácil Maroon 5 e Bebe Rexha entrarem com os singles que fizeram algum barulho. O desempenho comercial acaba indo junto com o impacto de público e crítica desses álbuns.

      Sobre Drake e Kendrick, eu comentei no post original sobre as previsões do Grammy o que eu achava deles, e como poderiam entrar; mas essencialmente as chances do primeiro serão em todas (isso se ele submeter o Scorpion, já que ele tem uma birra antiga com a Academia e já chegou a não submeter nada em anos anteriores. Aqui eu nem acho que ele seria boicotado, o álbum foi MUITO bem sucedido e quebrou recordes da indústria para ser ignorado); e Kendrick pode entrar com a trilha do filme.

      De resto, acho que Beck faz o corte final pela relevância do artista, Abel fica lá no nicho Urban e Janet depende MUITO do que ela vai entregar de CD e impacto. O “Unbreakable” era muito bom e foi ignoradíssimo.

      Sobre as possibilidades finais, Taylor Swift não fica de fora de AOTY. Eu ficaria bem chocada se isso acontecesse; ela é uma 2x Grammy Winner, e o álbum vendeu MUITO. Não tem como deixá-la de fora, exceto se a “antidivulgação” da era cobrar o preço. Trilha sonora é uma ou outra (acho que pra compensar as esnobadas no Kendrick, entra Pantera Negra); e The Carters depende MUITO do rancor da Academia, como eu disse num reply anterior. No pop field, Xtina é uma veterana com vitórias, e mesmo com as críticas boas e pouca repercussão, ela tem crédito, acho que faz o requisito nos lugares certos (Album Pop e Pop/Duo). Timberlake tem uma coisa mais profunda – a Academia tem ranço com ele; e os jurados não esquecem se você esnoba. Por isso que acho que Ed Sheeran pode ser esquecido este ano por causa disso. Ganhar Grammy também é fazer uma política de boa vizinhança, e tem duas pessoas no pop que fizeram isso de forma bem inteligente.

      Sobre a Gaga, a conversa é que as músicas de A Star is Born só serão lançadas em outubro, ou seja, adeus Grammy 2019.

      E reitero: a única pessoa do pop que eu vejo indicada em AOTY é Taylor. Veteranas como P!nk, Kelly; e novatas como Camila vão se contentar com pop field. Só se o Grammy quiser chamar audiência dos novinhos colocando a Cabello, mas o álbum não teve essa abrangência toda pra chegar no corte final. Tem que ter tido o impacto de um IoP da Cardi pra chegar lá – por exemplo: Jagged Little Pill da Alanis, The Miseducation of Lauryn Hill – pensando em vencedores; ou o debut da Mariah, Gaga com The Fame, Doo-Wops and Hooligans do Bruno, The Heist do Macklemore, o In the Lonely Hour do Sam – o do Sam é o menos AH MEU DEUS, mas todos esses tiveram uma abrangência absurda como debuts dos artistas envolvidos, alguns deles mesmo mudando o landscape musical de sua época. A gente tem até um Justified pra servir de exemplo, se formos pensar em debuts de ex-membros de grupos, mas “Havana” não é um “Cry me a River”.

  4. “Girls like you” pavorosa, Marina? Foi isso mesmo que eu entendi no final do vídeo? Veja bem, eu não curti esse disco do M5, apesar de ser fã, mas essa música é a melhor deles dos últimos lançamentos! É pop, é melódica, não tem aquela batida genérica chata de bateria eletrônica, enfim, é uma música que tem uma sonoridade muito gostosa. E mais: prefiro a versão sem Cardi B.

    Mas me diz aí por que vc acha a música pavorosa?

    Seu blog é show, sou leitor assíduo, viu?

    Abs

    • Eu acho a música pavorosa por ser o auge do pop genérico ruim e sem referência, sem fôlego, sem um diferencial que encha os olhos dentro de um cenário pop que está muito ruim. Por mais que não tenha aquela vibe eletrônica típica de outros lançamentos pop recentes, mesmo do Maroon 5, consegue ser o auge do genérico para a banda genérica que o M5 se tornou – e para o estado do pop. Parece coisa dos Chainsmokers. E pra completar, não tem clímax, punch, funciona numa monotonia sonora e não explode em lugar algum, especialmente com a voz monótona do Adam Levine que parece esta ali forçado a cantar a música porque não tem outro jeito. Típica trilha sonora de loja de departamentos.

      Eu acho muito ruim, mesmo; e nem sei se se destaca nesse novo CD que nem consegui ouvir todo, porque tudo me deu muito nervoso, eu não tive coragem de ir em frente. Acho que eles caíram de produção em relação mesmo ao “Overexposed”, que é tenebroso.

      Valeu pelo retorno 🙂

  5. Marina , acha que o Kanye West tem chance de ser nomeado? Se sim quais as categorias que ele tem mais chance?

    E desta lista de possíveis submissões de outros artistas que tenho em baixo , quais a Marina acha que têm mais chance de fazer o corte final nas nomeações?

    TAYLOR SWIFT

    “Reputation”: Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    Delicate: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop Solo Performance

    Ready For It?: Best Music Video

    CARDI B: Best New Artist

    “Invasion Of Privacy”: Album Of The Year , Best Rap Album

    I Like It: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Rap Song , Best Rap Performance , Best Rap/Sung Performance

    Bartier Cardi: Best Rap Song , Best Rap Performance , Best Rap/Sung Performance , Best Music Video

    Girls Like You: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop/Duo Group Performance , Best Music Video

    Finesse (Remix): Record Of The Year , Best R&B Performance , Best Music Video

    MotorSport: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Rap Song , Best Rap/Sung Performance , Best Music Video

    ARIANA GRANDE

    “Sweetener”: Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    No Tears Left To Cry: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop Solo Performance

    The Light Is Coming: Best Pop/Duo Group Performance

    God Is A Woman: Best Music Video

    Bed: Best Rap/Sung Performance , Best Music Video

    JUSTIN TIMBERLAKE

    “Man Of The Woods”: Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    Say Something: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop/Duo Group Performance

    Supplies: Best Pop Solo Performance , Best Music Video

    Filthy: Best Pop Solo Performance

    CAMILA CABELLO

    “Camila”: Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    Never Be The Same: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop Solo Performance

    Beautiful: Best Pop/Duo Group Performance

    Havana: Best Music Video

    NICKI MINAJ

    “Queen”: Album Of The Year , Best Rap Album

    Bed: Best Rap/Sung Performance , Best Music Video

    Barbie Dreams: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Rap Song , Best Rap Performance

    MotorSport: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Rap Song , Best Rap/Sung Performance , Best Music Video

    CHRISTINA AGUILERA

    “Liberation”: Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    Fall In Line: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop/Duo Group Performance , Best Music Video

    Twice: Best Pop Solo Performance

    THE CARTERS

    “Everything Is Love”: Album Of The Year , Best Rap Album

    Apeshit: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Rap Song , Best Rap Performance , Best Rap/Sung Performance , Best Music Video

    SHAWN MENDES

    “Shawn Mendes”: Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    In My Blood: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop Solo Performance , Best Music Video

    Youth: Best Pop/Duo Group Performance

    PINK

    “Beautiful Trauma”: Album Of The Year , Best Pop Vocal Album

    Beautiful Trauma: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop Solo Performance , Best Music Video

    DUA LIPA: Best New Artist

    IDGAF: Record Of The Year , Song Of The Year , Best Pop Solo Performance , Best Music Video

    One Kiss: Best Dance Recording , Best Music Video

    JANELLE MONAE

    “Dirty Computer” – Album Of The Year , Best R&B Album

    Make Me Feel – Record Of The Year , Song Of The Year , Best R&B Song , Best R&B Performance

    “Dirty Computer (Emotion Picture)” – Best Music Film

    PYNK – Best Music Video

    • Oi!

      Sobre Kanye, eu acho que ninguém vai querer lidar com uma pessoa imprevisível como ele, especialmente agora com um material musical tão divisivo quanto sua pessoa. Não consigo vê-lo no corte final, sinceramente.

      Taylor tem chances no pop e entra by default em AOTY; Cardi pode ser a grande revelação desse ano e acho suas previsões bem coerentes para I Like It, Bartier Cardi em Solo, GLY em Pop Duo, e Motorsport. Finesse depende muito de como eles avaliarão o remix.

      Ariana deve fechar nas categorias pop (mas não acho TLIC forte pra fechar em Pop/Duo); mas ainda não ouvi o CD novo pra considerar lock em AOTY; Timberlake melhor se contentar com Pop/Duo; Camila Cabello fica no pop field, acho que não tem força pra chegar em AOTY – e acho até demais porque pra chegar lá tem que ter alguma abrangência e força cultural que ela não teve este ano; Xtina pode entrar com Liberation em Álbum Pop e Fall in Line em Pop/Duo; Shawn entra nas categorias pop, assim como P!nk, mas sem chances em AOTY – ao contrário da Janelle, que entra em AOTY, General Field e categorias de R&B.

      Nicki Minaj é a maior incógnita pra mim, honestamente; e a indicação dos Carters depende muito do rancor da Academia hahah

Comente aqui!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s