Nicki Minaj – Pills N Potions

Cover Nicki Minaj Pills n PotionsNicki Minaj volta mais reflexiva em seu lead-single do “The Pink Print”, a midtempo “Pills N Potions“. Após o sucesso estrondoso de Onika Maraj (nome real da rapper) nos últimos três anos, a artista se desfez das perucas, das roupas esquisitas e até mesmo das músicas catchy, mas duvidosas (oi “Starships”, oi “Pound The Alarm”)  e anda aparecendo por aí com um visual mais “clean”. E a depender do primeiro single do novo CD, o material parece vir menos pop e mais hip hop/R&B e urbanzão.

Mas Nicki poderia ter escolhido um batidão destruidor, já que a tendência nas rádios é essa mesmo. O que Nicki oferece para o verão americano é mais relaxante, uma produção com piano e batidas secas, lembrando um mix de Alicia Keys e Lorde, para os ouvidos mais apressados. O trabalho surpreende: tem produção do “farofado” Dr. Luke, num de seus dias mais inspirados. Nicki cantando é muito afinada, com um vocal suave e doce no qual ela poderia investir mais vezes, e os versos dela no rap são bem legais, falando das dificuldades numa relação – seja com alguém que se ama, seja com os fãs ou amigos – mas que o amor sempre supera esses problemas. Aliás, perceba a diferença em temas de uma rapper com selo “hip hop” de qualidade e uma rapper com os dois pés no pop – “Pills N Potions” não é tão fácil de fruição e aceitação para um grande público como o que ela alcançou em “Superbass” e “Starships”, mas eu acredito que o público urban/R&B/hip hop deve ter levado muito bem essa novidade.

O sucesso é uma faca de dois gumes. Como eu disse, essa música não é tão fácil quanto outros club smashes lançados pela própria Nicki anteriormente, mas o hook é grower e com 1) um bom vídeo; e 2) uma divulgação decente, Nicki pode fazer um bom retorno aos charts. Não conto com um #1, mas top 20, talvez top 10 (se ela se apresentar em alguma grande premiação), pode acontecer. Se ela deixar a música ao Deus-dará, no entanto, ela pode ter problemas, já que dá pra perceber o que o mercado quer só em observar as músicas que mais sobem nas rádios e no iTunes – são justamente os batidões urban que ela não lançou desta vez.

 

Será que a Minaj vai hitar com uma midtempo? Ouça “Pills N Potions”:

 

Anúncios

Um comentário sobre “Nicki Minaj – Pills N Potions

  1. […] 14. “Pills N Potions” – já foi resenhada, e ainda mantenho minha opinião sobre a faixa como um início pouco impactante como lead single, mas um belo rompimento do que ela tinha apresentado anteriormente. Além disso, ela está mal colocada aqui na tracklist, sendo uma quebra muito forte em relação à farofada anterior. Mesmo assim, liricamente falando, está em consonância com os temas principais do álbum. […]

Comente aqui!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s